Ocasionário

Meio idiota.

Ocasionário, estou me sentindo meio idiota.

Já que está ocorrendo a greve dos caminhoneiros pelo aumento do diesel, é claro que não estão mais chegando caminhões para abastecer o combustível de Porto Alegre. Então, a frota de ônibus está saindo de hora em hora (exceto horários de pico). Ou seja, resolvi vir a pé pra Gráfica. Até aí, tudo lindo e maravilhoso. O ônibus, durante o caminho, passou por mim…
Então, no meio do caminho, decidi bater uma fotografia da cerração… Quem disse que eu encontrava meu telefone? Fiquei desesperada procurando, achei que tivesse deixado em casa ou perdido por aí (torcia pela primeira opção). Esse telefone eu só encontrei quando cheguei na Gráfica e procurei no lugar mais óbvio possível> dentro da mochila, embaixo dos livros. E não é que o engraçadinho estava lá?

Pois bem, também vim hoje falando sozinha – como costumo fazer –, só que hoje foi em espanhol, não em inglês. Eu percebi que não posso me afastar do espanhol, porque é a língua da minha família. Também é por isso que vou fazer japonês.
Enquanto eu estava ali, tranquilamente me conversando, um sujeito (gurizão meio dãdi) me parou pra dizer que "eu era uma ursinha". Da primeira vez eu não entendi o que aquele moço estava dizendo, mas da segunda, quando ele falou mais alto e devagar. Eu nem consegui dizer nada, só olhei pro outro lado. Me senti muito idiota. Por que eu não disse nada de volta? Eu me senti humilhada com aquilo, mas minha reação foi só… "ignorar". Pra ele, não foi nada de mais, mas, pra mim, fez toda a diferença. Espero um dia conseguir fazer diferença também.

De aulas e sintomas
Deseja instalar a atualização?
Em farrapos, mas espero que melhorando.